Skip to content

Biogeoquímica: análise da biomineralização extracelular (NanoSIMS)

NanoSIMS Application in Bio-Geochemistry: Extracellular proteins limit the dispersal of biogenic nanoparticles
Proteínas extracelulares limitam a dispersão de nanopartículas biogênicas
O NanoSIMS é utilizado neste estudo para demonstrar a íntima associação (áreas na cor amarela e laranja) de proteínas com agregados esferoidais de nanocristais biogênicos de sulfeto de zinco, um exemplo de biomineralização extracelular. Experiências envolvendo nanopartículas sintéticas de sulfeto de zinco e aminoácidos representativos indicaram um papel determinante para a cisteína na rápida agregação de nanopartículas. Estas descobertas sugerem que proteínas extracelulares derivadas de microrganismos podem limitar a dispersão de fases contendo nanopartículas metálicas, tais como os produtos minerais de biorremediação, que podem ser transportados para longe de sua fonte por fluxo subsuperficial de fluidos.

O NanoSIMS oferece recursos exclusivos de combinação de alta resolução lateral e sensibilidade de referência para uma ampla gama de aplicações geoquímicas. É o único instrumento capaz de visualizar elementos-traço ou enriquecimento isotópico até a resolução de 50 nm. Outras tecnologias são limitadas em sensibilidade (TEMS, EELS, EDS, Auger, TOF-SIMS...) ou em resolução lateral (SIMS convencional, ICPMS-laser, SEM-EDS, Raman). 

Fonte: John W. Moreau, P.K. Weber, M.C. Martin, B. Gilbert, I.D. Hutcheon, J.F. Banfield, SCIENCE, vol 316, 15 June 2007.